Menu fechado

Denúncias de interferência dentro da Pefoce repercutem no órgão e na sociedade

O programa SEM MEIAS PALAVRAS deu vazão a diversas denúncias de interferência de um terceirizado no setor de motoristas e auxiliares de rabecão da Pefoce (Perícia Forense do Ceará) que trouxeram a luz perseguições e demissão de um deles com ficha ilibada que trabalhava no órgão há anos, simplesmente porque teria cumprido seu papel.

O Clima no setor azedou de vez quando este terceirizado que impõe ser chamado de “doutor”, utiliza segundo as denúncias o nome do Secretário André Costa para fazer valer a sua “autoridade” perante os demais.

Entre as denúncias está também a de um motorista que teria sido obrigado a tirar 10 plantões para o tal “doutor”, sob pena de não fazendo ser demitido.

Conforme fontes que o SEM MEIAS PALAVRAS consultou uma filha do “doutor” teria como padrinho o secretário da SSP.

CÁ PRA NÓS: Será possível que diante dos fatos noticiados o secretário André Costa não tomará nenhuma atitude?

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.