Menu fechado

Nova versão da Lava-Jato denuncia petista Zé Dirceu, Duque e mais 13 por desvios

A nova versão da Lava-Jato no Paraná, agora integrada ao Gaeco, apresentou denúncia nesta semana contra o petista José Dirceu, o ex-diretor de serviços da Petrobras Renato Duque e mais 13 investigados  investigados por crimes que variam de formação de cartel, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e fraude à licitação, crimes praticados em licitações e contratos na área de “serviços compartilhados”, de responsabilidade da Diretoria de Serviços da Petrobras. 

O esquema ilícito envolveu pagamentos sistemáticos de propinas por representantes das empresas Hope Recursos Humanos S.A e Personal Service Recursos Humanos e Assessoria Empresarial LTDA em troca de favorecimentos em grandes contratos com a estatal brasileira”, diz o MPF. 

Fonte: Coluna Radar – Abril

Cá pra nós: Quanto mais mexe, mais fede.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.