Menu fechado

Lula em discurso chama procuradores da lava-jato de quadrilha

O ex-presidente e ex-condenado Luíz Inácio Lula da Silva em discurso realizado hoje quarta-feira (10) na sede do sindicato dos metalúrgicos em São Bernardo do Campo (SP) não poupou críticas aos procuradores do Ministério Público que atuaram na força-tarefa de Curitiba e os comparou a uma “quadrilha”.

Foi além, acusando o ex-ministro Sérgio Moro, os procuradores e a Polícia Federal de terem “obsessão” em destrui-lo.

Cá pra nós: o ex-condenado denominou o grupo de autoridades de quadrilha. Seria “quadrilha” aquela tipificada no Código Penal? Se for é uma acusação gravíssima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.