Menu fechado

Defesa de Jairinho divulgou fotos íntimas de ex-namorada que alegou que teve filha agredida pelo vereador

Preso nesta quinta-feira (8) por suspeita de envolvimento na morte do enteado, Henry Borel, de 4 anos, o vereador Dr. Jairinho tentou desmerecer e constranger testemunhas do processo. Uma das ex-namoradas do vereador, que prestou depoimento afirmando que a filha já foi agredida por ele, teve fotos íntimas divulgadas pela defesa de Jairinho.

Em uma das imagens, a mulher aparece nua, com a legenda: “Sou de Bangu e vereador Jairinho botou peito em mim”. Era uma referência ao fato de, no mesmo depoimento, ela ter afirmado que foi o então namorado quem pagou pelo procedimento de aplicação de silicone.

A defesa de Jarinho também compartilhou vídeos em que funcionários do vereador tentavam desqualificar a mulher.

“[A ex-namorada] disse pra muitas pessoas que estava com ele pro causa do dinheiro dele, isso a gente já sabe. Agora não entendo, [há] mais de oito anos isso, a pessoa vir a público agora dizer uma coisa dessa… Agora disse que tinha medo dele?”, disse um dos funcionários sobre a mulher.

Fonte: G1

Cá pra nós: Que defesa, hein?

1 Comentário

  1. Luciana Gouveia

    Certamente a CPI deveria ser sobre todos . Estados e municípios , que tão rapidamente desfizeram dos hospitais de campanha . Devem prestar contas de toda verba enviada pelo governo Federal . O presidente não deixou a ninguém de amparo e dinheiro eles receberam muito e kd ???l

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.