Segundo O Antagonista na semana que passou em Brasília, Lula mandou o PT continuar a fazer “oposição” a Jair Bolsonaro, mas sem fragilizar a ponto de viabilizar um impeachment.

José Sarney, que recebeu o ex-presidiário para almoçar, concorda com a tese. Renan Calheiros cumpre a missão de usar a CPI da Covid para enfraquecer o presidente, sem inviabilizá-lo.

Nenhum deles está preocupado em estancar o morticínio de brasileiros; querem apenas um adversário fraco para abater nas urnas, resume a matéria.

CÁ PRA NÓS: Alguém esperava algo diferente?

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here