Menu fechado

Barra Torres reafirmou independência da Anvisa

O diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, afirmou nesta terça-feira (11), em depoimento à CPI da Pandemia, que não houve pressão por parte de autoridades para aprovar vacinas contra o novo coronavírus.

Questionado pelo relator da CPI, senador Renan Calheiros (MDB-AL) em mais de uma ocasião se autoridades federais, outras autoridades públicas ou até mesmo integrantes da indústria farmacêutica teriam agido no sentido de afrouxar os critérios da agência, ele foi enfático: “Não senhor”.

Barra Torres também afirmou que a Anvisa já tomou todas as medidas possíveis para desburocratizar os procedimentos de aprovação de vacinas para uso no país, de forma que não havia espaço para avançar mais nesse sentido.

Fonte: CNN Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.