Menu fechado

CPI: Senador “desaparecido” surge para ser mais um voto contra convocação de Gabas

Durante a sessão de hoje, terça-feira, 16, da CPI do covid vários requerimentos foram votados, dentre eles o do senador Eduardo Girão, do Podemos do Ceará, que pleiteava a convocação de Carlos Gabas, pela posição-chave que ocupa no Consórcio Nordeste – grupo de governos estaduais nordestinos que negocia a compra de equipamentos, insumos e vacinas contra a Covid-19 independentemente do governo federal.

O Consórcio Nordeste em 2020 realizou compra de ventiladores clínicos que é contestada por autoridades policiais. O contrato teve orçamento e pagamento antecipado de R$ 48 milhões e previa a entrega de 300 ventiladores – que nunca chegaram à rede pública. A Polícia Civil da Bahia através da Operação Ragnarok, colocou na prisão os donos da empresa Hempcare, que vendeu e não entregou os produtos.

O inusitado na votação foi a presença virtual do senador Jader Barbalho que até então nunca tinha dado a ar da graça na CPI, depois de debates acalorados e demorados por oposicionistas para se ganhar tempo visando sua participação e voto, como bem alertou o senador Marcos Rogério.

Veja o timaço que exorcizou o fantasma da investigação de malversação do dinheiro público neste caso, pelo menos por enquanto: Humberto Costa (PT), Rogério Carvalho (PT), Jader Barbalho (MDB), Renan Calheiros (MDB), Randolfe Rodrigues (Rede Sustentabilidade), Otto Alencar (PSB) e Tasso Jereissati (PSDB).

A favor da investigação: Eduardo Girão (Podemos) Jorginho Mello (PL), Ciro Nogueira (PP) e Marcos Rogério (DEM).

Redação smp.news

CÁ PRA NÓS: Placar final 7 X 4 a favor do Consórcio Nordeste e contra a investigação. Falar em corrupção nem pensar. E o povo ó……

2 Comentários

  1. EDILSON FERREIRA

    É muita falta de respeito para com o povo que os elegeu e os mantém no topo do poder . Então nós pagamos gordos salários e todos os tipos de mordomias a esses fariseus para trabalharem a favor da corrupção e da roubalheira, deixando de lado os interesses do povo?- Mas como diarréia não dá só uma vez, terão o troco nas urnas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.