Menu fechado

Urgente: Nise Yamaguchi, Paolo Zanotto, Mayra e Wizard confirmados no rol dos investigados

O relator Renan Calheiros confirmou a inclusão dos nomes dos médicos Nise Yamaguchi, Paolo Zanotto e Mayra Pinheiro, e do empresário Wizard, que fariam parte do “gabinete paralelo”, no rol dos investigados da CPI do covid.

Renan resolveu endurecer sua posição contra pessoas que defenderam o tratamento precoce. Existe claramente a criminalização de profissionais da saúde que defenderam uso de medicamentos a critério médico com a anuência do paciente.

Redação smp.news

CÁ PRA NÓS: Conselheiros informais que sugerem medidas vão ser responsabilizados criminalmente por qual delito cometido? Aconselhar?.

5 Comentários

  1. Sergio R. de Andrade Leite

    Um bando de sem-vergonhas, gastando o nosso dinheiro ao invés de trabalharem e, além de tudo, ofendendo gravemente pessoas que trabalham pelo bem do nosso povo.É inominável o que estão fazendo, sobretudo este cretino e desonesto do Renan Calheiros. Ele sim é que deveria ser investigado e punido já há muito tempo. Assim não estaria agora ficando a pertubar a vida do país e de cidadãos honestos e trabalhadores.

  2. Deise

    Qual o crime desses médicos? É ajudar, é fazer a coisa certa. E o crime do quarteto da CPI? É infernizar o país, é puxar o Brasil pra baixo, é atrapalhar a vida de quem luta dia e noite pra fazer a coisa certa e o melhor pro país. Ninguém fala pra esses negacionista que enquanto eles estão atrapalhando o Brasil, outros países estão usando esses mesmos medicamentos e já há trabalhos robustos a respeito. Uns tentam salvar outros atrapalhar.

  3. Maria Deise

    Está CPI é uma perda de tempo. E ainda atrapalha a vida de quem tem mais o que fazer. Pior que outros membros do senado e o próprio presidente do senado não aparecem pra dar um basta nisso. Eles parece que estão gostando dessa palhaçada. É bom prestar atenção pra não votar mais nessa turma. Memória povo brasileiro!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.