Menu fechado

Senador Marcos do Val parte para cima de deputado federal na CPI do covid (veja vídeo)

O senador Marcos do Val (Podemos) e o deputado federal Luís Miranda (DEM-DF) tiveram um desentendimento no intervalo da CPI da Covid, nesta sexta-feira (25) no Senado. 

Imagens mostram Do Val aproximando-se do deputado, um dos depoentes da CPI. Do Val chega a empurrar o peito contra Miranda, que mantém o corpo firme em resposta. Logo depois, os dois são separados por outros parlamentares. Não há áudio do momento.

Senador Marcos do Val se desentendeu com o deputado Luís Miranda na CPI da Covid. Crédito: Reprodução/TV Senado
Senador Marcos do Val se desentendeu com o deputado Luís Miranda na CPI da Covid. Crédito: Reprodução/TV Senado

O senador Marcos do Val (Podemos) e o deputado federal Luís Miranda (DEM-DF) tiveram um desentendimento no intervalo da CPI da Covid, nesta sexta-feira (25) no Senado. 

Imagens mostram Do Val aproximando-se do deputado, um dos depoentes da CPI. Do Val chega a empurrar o peito contra Miranda, que mantém o corpo firme em resposta. Logo depois, os dois são separados por outros parlamentares. Não há áudio ambiente na sessão do momento abaixo.

Miranda é irmão de Luís Ricardo Miranda, servidor do Ministério da Saúde que denunciou suspeitas de corrupção no contrato para a compra da vacina indiana Covaxin, com preço acima das demais vacinas adquiridas pelo Brasil e com uma empresa offshore (como as que atuam em paraísos fiscais) como intermediária.

Quando a sessão foi retomada, Do Val tentou exibir um vídeo, uma reportagem do Fantástico, da TV Globo, que mostra que Luís Miranda, o deputado, foi acusado de aplicar golpes nos Estados Unidos. Como o assunto não tem a ver com a negociação para a compra da Covaxin, o vídeo foi pausado e o assunto não foi tratado na comissão.

Do Val comentou também sobre o embate com Luís Miranda no intervalo. 

“Eu quero que conste que o deputado fez uma ameaça”, afirmou. No que o presidente da CPI, senador Omar Aziz (PSD-AM), emendou: “Eu tenho um vídeo aqui que o senhor vai ao encontro dele…”.

“Isso, ele me desrespeitou como pessoa e como senador da República. Eu falei com ele ‘você está na casa do Senado'”, contou Do Val.

Ao Metrópoles, Miranda disse que a confusão começou quando o senador disse que tocaria no assunto da matéria do Fantástico.  “(Marcos do Val) disse que tocaria no assunto [reportagem do Fantástico] e eu falei: ‘Caso igual ao seu quando acusado de ser falso [agente] da Swat. E aí ele veio para cima de mim. Queria que eu perdesse a cabeça e agredisse ele”, afirmou.

DO VAL DIZ QUE FOI AMEAÇADO

Do Val, por sua vez, disse ter sido ameaçado por Miranda.

“Ao contrário do que tem sido noticiado, o senador Marcos do Val se defendeu de ataques verbais proferidos pelo deputado Luis Miranda e jamais teve a intenção de ‘provocar’ ou criar um fato para ‘encerrar a sessão’, como alegou o deputado”, afirmou Do Val em nota enviada a A Gazeta.

1 Comentário

  1. Ednardo Sabino de Lima

    Acho uma aberração, primeiro e errado esse Azin ser presidente da cpi, porque, a esposa dele e envolvida com cousas erradas roubos, inclusive a lixo globo mostra, ela sendo preza dentro do avião

    Sengundo, é o esse Renan Canalia ser relator, que teve envolvimento com roubos e teve envolvimento com cpis.

    Isto posto, essa cpi é só pra sestabilizar o excelente governo do presidente Bolsonaro, porque, não se rouba mais, e essa esquerda não mais espaço pra roubar e o país esta crescendo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.