Menu fechado

Ministério Público recebe denúncia de misoginia e humilhação em sessão da CPI

Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) recebeu denúncia contra a sessão da CPI da Covid-19 na qual a médica Nise Yamaguchi foi ouvida.

Um procedimento investigatório criminal foi aberto para apurar se houve injúria dos integrantes da CPI contra a médica bolsonarista. As informações chegaram ao órgão por meio da Ouvidoria.

À coluna Grande Angular do site Metrópoles, o MPDFT confirmou que vai analisar os fatos relatados para verificar se houve, de fato, situação que configure crime. “O processo está em uma Promotoria de Justiça Especial Criminal”, disse.

Na denúncia feita ao Tribunal de Justiça do DF e dos Territórios (TJDFT), Nise argumentou ter sido vítima de misoginia e humilhação durante seu depoimento à comissão no dia 1º de junho. Ela pede R$ 160.000.00 a cada um dos parlamentares, senadores Omar Aziz e Otto Alencar.

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.