Menu fechado

Chile inicia terceira dose para quem recebeu Coronavac

As pessoas vacinadas com duas doses da Coronavac no Chile começaram, nesta quarta-feira (11), a receber uma terceira dose de reforço da vacina AstraZeneca, depois que estudos encontraram uma redução da eficácia do imunizante chinês em evitar os contágios e diante da circulação da variante delta do coronavírus.

De acordo com estudos realizados no país, a eficácia desta vacina para evitar casos assintomáticos diminuiu consistentemente, de 68% em abril para 58% atualmente. No entanto, se manteve igual aos níveis de proteção contra a hospitalização, a internação em unidades de cuidados intensivos e a morte, complementa matéria no R7.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.