Menu fechado

Justiça Federal anula prisão de Roberto Dias, ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde

A justiça Federal de Brasília, anulou a prisão realizada pela CPI da Covid, através de seu presidente Omar Aziz, durante depoimento de Roberto Dias em sessão do dia 07 de julho. Segundo Aziz, ele mentiu para a comissão.

A decisão foi exarada nesta sexta-feira (20/8) pelo juiz Francisco Codevila, da 15ª Vara Federal do Distrito Federal. Também foi determinado a restituição da fiança de R$ 1,1 mil paga por Dias para ser solto.

Naquela reunião, o senador Marcos Rogério (DEM-RO) questionou o presidente sobre a falta de um fato concreto para prender Dias e disse que outros depoentes cometeram antes falso testemunho à comissão sem terem sido presos.

Rogério afirmou que Aziz cometeu abuso de autoridade ao pedir a prisão de Dias.

3 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.