Menu fechado

Corrupção retoma força em todo o País. Quadrilha desvia mais de 300 milhões da Saúde

Após a completa desestruturação da maior operação de combate à corrupção – lava-jato – e seus efeitos deletérios em toda a corrente delitiva dela derivada, a qual fora erguida com eficiência, competência e coragem por membros da Justiça, do Ministério Público e da Polícia Federal, o Brasil se depara com o recrudescimento do crime que mata milhões de pessoas embalado por uma impunidade que se traduz em misto de impotência e revolta. Dizia Rui Barbosa, ” De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto”.

A mais nova quadrilha a “roubar” e “brincar” com o dinheiro público, divulgando imagens em rede social de puro escárnio ao povo, aos poderes e as instituições, foi denunciada ao povo brasileiro em uma entrevista no Fantástico. Conforme manda a receita, o grupo contava com uma grande rede cooptada para atingir seus objetivos criminosos, típicos de sociopatas e psicopatas. O ex-chefe de gabinete do governo do Pará apontado como o braço público do esquema, chegou a ser preso, mas responde o processo em liberdade, assim como em outro caso, o ex-secretário do sistema prisional do RJ, parceiro do crime organizado.

E por incrível que pareça, segundo a reportagem, o “rei do gado”, mesmo após a prisão pela Polícia Federal, em primeira fase de operação, há meses em prisão domiciliar.

Somente as próprias imagens podem mostrar a degeneração, em tempos de pandemia e milhares de mortes, que chegamos, onde o dinheiro da nação é saqueado.

redação smp.news

CÁ PRA NÓS:

Como diria Alexandre Herculano: “Há épocas de tal corrupção, que, durante elas, talvez só o excesso do fanatismo possa, no meio da imoralidade triunfante, servir de escudo à nobreza e à dignidade das almas rijamente temperadas.”

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.