Menu fechado

Bolsonaro é pressionado para desistir da indicação de Mendonça para o STF. Causa é incrível

A pressão em cima do presidente Bolsonaro, de senadores da situação, aumentou no sentido que ele possa desistir da indicação do ex-ministro da Justiça e ex-advogado geral da União, André Mendonça, para ocupar a vaga surgida com a aposentadoria de Marco Aurélio, no Supremo Tribunal Federal (STF).

A fogueira dos insatisfeitos foi impulsionada após vazamentos de trechos da Operação Spooting que indicam um encontro entre Mendonça e procuradores da Lava-Jato, em fevereiro de 2019. Na época Mendonça era advogado-geral da União (AGU).

Segundo a Folha de São Paulo, senadores temem que a atuação de André Mendonça ao chegar no STF seja de apoiar pautas contrárias aos políticos.

Ressalte-se que a indicação já passa dos 30 dias, e até agora, Alcolumbre não pautou a sabatina.

CÁ PRA NÓS: É lamentável essa disposição de parlamentares contra Mendonça. Que tanto medo é esse?

9 Comentários

  1. Dias Jr

    Presidente Jair Messias Bolsonaro, não desista da indicação do Dr André Mendonca . Homem digno de assumir esse cargo . Deus está conosco 🙏

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.