Menu fechado

Inquérito do STF: Jornalista cearense é preso. Caminhoneiro diz em live que não se entregará de imediato

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, decretou a prisão preventiva do jornalista cearense Wellington Macedo e do caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, Zé Trovão.

Wellington já encontra-se preso pela Polícia Federal e Zé Trovão disse agora pouco, em live, que não se entregará de imediato e estará presente nas manifestações de 7 setembro.

As ações tiveram início com as prisões de Sérgio Reis e Roberto Jefferson, presidente do Partido dos Trabalhadores Brasileiros (PTB), no inquérito presidido, sem distribuição, por Moraes.

As acusações são de suspeitas de “organizar atos antidemocráticos para o feriado de 7 de setembro”.

CÁ PRA NÓS: Impõe-se que a ampla defesa possa ser retomada nesses inquéritos presididos pelo ministro Alexandre de Moraes. Como um magistrado que está envolvido no conflito pode julgar com imparcialidade?. A suspeição deveria ser arguida de imediato pelo ministro. Infelizmente, nos parece, que o espírito de corpo tomou conta da Corte, e isso está causando uma grande inquietude nos brasileiros conscientes de conceitos como cidadania, devido processo legal, garantias constitucionais.

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.