Menu fechado

CPI da Covid: Otto continua Otto

O senador Otto Alencar (PSD-BA), continua com sua mesma posição afrontosa, e estranhamente com seus colegas médicos ela se acentua.

A tática é a mesma: fala, fala, fala, joga dados soltos, com seu caráter professoral e autoritário, e chega ao ápice quando várias vezes desqualifica médicos, formados igual a ele, como agora há pouco, no depoimento do Dr. Pedro Benevides Batista Júnior, da Prevent Sênior, e após não permitir NENHUMA RESPOSTA, encerra seu tempo.

O senador Eduardo Girão, impaciente com essa tática nada democrática, pediu a palavra e conseguiu algum tempo para o médico Pedro Benevides. Entretanto, mesmo assim, era constantemente interrompido por Otto.

CÁ PRA NÓS: É visível o uso da passagem de testemunha para investigado como moeda de pressão. Se falam o que se quer, permanece testemunha. Ontem (Wagner Rosário- CGU) e hoje (Pedro Benevides) duas testemunhas que ousaram se contrapor a “versão oficial”, foram ainda durante a sessão transformados em investigados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.