Menu fechado

TSE rejeita ações que visavam a cassação da chapa Bolsonaro-Mourão

As duas ações que foram impetradas pedindo a cassação da chapa Bolsonaro-Mourão vencedora nas eleições de 2018, pelos partidos da coligação “O Povo Feliz de Novo”, formada por PT, PCdoB e Pros, foram rejeitadas pelos ministros do Tribunal Superior Eleitoral (STE), pelo placar de 7 X 0, nesta quinta-feira, 28.

Os ministros definiram que o arquivamento se deu por falta de provas. No julgamento também ficou expresso que nas eleições de 2022, o uso de aplicativos de mensagens instantâneas “para realizar disparos em massa, promovendo desinformação, diretamente por candidato ou em seu benefício e em prejuízo de adversários políticos” pode configurar abuso do poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação social.

CÁ PRA NÓS: Mais uma narrativa da oposição e a velha imprensa tradicional que é derrubada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.