Menu fechado

Desembargadora acusada de vender sentenças é aposentada com 35 mil reais

Em decisão do Tribunal de Justiça do Amazonas, publicada no último dia 22, que aposentou compulsoriamente a desembargadora Encarnação das Graças Sampaio Salgado, acusada de vender sentenças judiciais, ficou definido o valor de R$ 35 mil mensal, que ela irá receber dos cofres públicos.

Em 2016, a Polícia Federal realizou operação que teve a magistrada como alvo, tendo sido posteriormente denunciada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O CNJ analisou um processo administrativo disciplinar contra a magistrada e o colegiado impôs à desembargadora a sanção mais severa, segundo a Lei Orgânica da Magistratura.

Com informações O Antagonista

CÁ PRA NÓS: A sanção para tão grave acusação chega a ser um acinte ao trabalhador brasileiro. Até quando?

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.