Menu fechado

PSL: Sobrando dinheiro

Está sobrando dinheiro público no caixa do PSL. Dona da maior cota do fundo partidário, a sigla que irá se fundir com o DEM para virar o partido mais rico do país, o União Brasil, não gastou nem metade dos 85,8 milhões de reais que entraram em sua conta até setembro.

Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral, a legenda comandada por Luciano Bivar gastou até o momento 41,1 milhões de reais do fundo. Pouco mais de 17,5 milhões foram repassados à fundação de pesquisa e educação política mantida pela legenda.

Ao todo, o PSL tem direito a cerca de 110 milhões de reais do fundo partidário distribuído pelo TSE às legendas. A cota, que é a mais farta do país, foi garantida com a eleição da segunda maior bancada na Câmara dos Deputados nas eleições de 2018.

Crusoé

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.