Menu fechado

Toffoli escancara: Brasil vive semipresidencialismo sob controle do poder moderador do STF

 O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli falou sobre sistemas políticos nesta terça-feira, 16, e analisou o Brasil. “Nós já temos um semipresidencialismo com um controle de poder moderador que hoje é exercido pelo STF”, disse, durante o 9º Fórum Jurídico de Lisboa, em Portugal. “Basta verificar todo esse período da pandemia”, acrescentou o juiz.

Segundo Toffoli, a atuação do STF, ao lado do Congresso Nacional, foi fundamental para atenuar os impactos do novo coronavírus no país. “Governar não é fácil no Brasil”, observou Toffoli. “O sistema presidencial tem muita força, mas o parlamento é a centralidade, na medida em que, é no parlamento que se formam os consensos das elites regionais, sendo a Justiça sua fiadora.”

Revista Oeste

6 Comentários

  1. Assis

    Os ministros do stf desonrram o cargo que exercem.
    O povo brasileiro irá fazer chegar a hora em que os 11 ministros ocupem a função que a eles é adequada ou desocuparam as cadeiras que não horam.

  2. Jaime

    O País só está de pé ainda, porque o “semipresidente”, apesar de alguns, conseguiu tomar as medidas corretas.
    Mas, ainda há tempo para ser moderador. É preciso proibir que o carnaval aconteça, evitando aí sim, um genocídio anunciado.

  3. Arnaldo Souto

    STF maior atraso do Brasil uma instituição que era pra ajudar só faz atrapalhar cumprindo ordens de facções políticas e políticos vagabundos ladrões e uma vergonha

  4. Maria Barbosa de Lima da Silva

    O que mais comentar? Quando se tem uma cambada de atraso para o Brasil, a esperança é que o povo tenha consciência que é preciso o governo atual permanecer e com isso enfraquecer o STF.

  5. Anônimo

    Até quando o povo vai continuar aceitando que essas oligarquias continuem a escravizar.

    Temos uma Constituinte que só atende as diretrizes dessas oligárquias!

    O pior que o povo acredita que todos esses desmandos é aceitável.

  6. Antônio Pascasio Círico

    Creio que o STF suas atribuições são cuidar para não ferir a constituição!
    Sem o STF na política seria o mesmo que uma partida de futebol sem juiz.

    Não sou formado em direito, mas gosto muito de leituras. Procuro acompanhar os fatos, e analisar sem fanatismo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.