Menu fechado

Lula afasta aliados do Centro e acende alerta em Alckmin

A sinalização do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de que, se for eleito em outubro, vai revogar a reforma trabalhista e o teto de gastos e que vai rever privatizações foi comemorada por setores do PT e lideranças de outros partidos desse campo.

No entanto, a medida estremeceu a possibilidade de Lula atrair aliados do centro para sua campanha. E também acendeu um alerta no ex-governador paulista Geraldo Alckmin (sem partido), cotado para ser vice na chapa do ex-presidente.

Gazeta do Povo

2 Comentários

  1. Sônia Maria

    Se o povo tiver um mínimo de noção do que faz não vai deixar um ladrão corrupto como esse voltar ao poder. Será que ter o País destruído uma vez não foi o suficiente??? Lugar de ladrão é na cadeia, e esse aí merece apodrecer lá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.