Menu fechado

Escândalo: mais de 20.000 crianças foram vacinadas indevidamente. Lewandowski esclarece decisão que mexeu com o País

Em virtude da divulgação que o Ministro Lewandowski do STF teria determinado ao Ministério Público o acompanhamento em todo o Brasil de pais que não vacinem seus filhos menores (5 – 11) contra a Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro imediatamente entrou em contato através da Advogacia-Geral da União com o Ministro.

Agora a pouco, em entrevista no programa “Pingos nos is” da Jovem Pan, Bolsonaro levantou dois pontos. O primeiro diz respeito à “aplicação de vacinas para crianças abaixo de 11 anos de idade até dezembro do ano passado. Ou seja, até dezembro do ano passado de zero e 4 anos que receberam a vacina foram 12.400 crianças. As mais variadas marcas e sem qualquer alteração legal pra isso”. E segue, ” Também de 2 a 11 anos até dezembro do ano passado foram mais de 18.000 crianças que receberam as vacinas das mais diferentes marcas, ou seja, com doses de adulto. Até dezembro do ano passado mais de 20.000 crianças de zero a 11 anos foram vacinadas no Brasil. São Paulo tem um efetivo muito grande dessas crianças”. Em razão da comunicação, ” o senhor Ricardo Lewandowski, ministro do Supremo Tribunal Federal já cobrou informações dos 27 governadores de estado”.

A outra questão fala Bolsonaro, está dando uma controvérsia em parte da mídia brasileira. “A decisão do senhor Ricardo Lewandowski que eu conversei com ele agora a pouco é no seguinte sentido que para crianças entre 5 – 11 anos não é obrigatório e nenhum governador, prefeito, poderá multar os pais que, por ventura, não queiram tomar vacina ou constranger os pais, os próprios aluno com quaisquer outras medidas. Como por exemplo, querer impedir de se matricular. Então é esta a verdade que a gente está reestabelecendo nesse momento, finalizou o Presidente.

3 Comentários

  1. Alfredo Santa Rita

    Esses canalhas ganham uma fortuna, o Brasil possui meios de comunicação impresso, falado e visualizado, mas sempre existe a mentira, melhor, Fake. Não há o q se discutir, o Plano Nacional de Imunização, que é obrigatório para menores, não há previsão de vacina contra COVID. Aí eu perguntos:
    – Pq esses jumentos ficam discutindo esse assunto?

  2. Luis Leme

    Um país onde as informações são distorcidas pelos meios de comunicação a fim de prejudicar este ou aquele candidato, onde as mentiras e roubalheiras dos governantes que não pensam na população em nenhum momento, somente em vantagens próprias, usam uma situação de pandemia como a que estamos vivendo para se favorecerem, não dá para acreditar ser um país sério, infelizmente, tem que começar tudo de novo, se possível devolvendo o bando de bandidos que Portugal deixou aqui para “administrar” esse país, desde sempre.

  3. MARIA DE FÁTIMA SAMPAIO

    Essa cambada de mercenários querem matar nossas crianças? Vocês governantes estão enchendo o bolso com a máfia do passaporte da vacina,já quê não podem dizer quê é obrigatório, aí inventaram esse nome passaporte da vacina.Aguardem,vocês são dignos de misericórdia, más a hora de vocês está chegando, aos olhos 👀 de Deus nada fica impune,PARABÉNS BOLSONARO.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.