Menu fechado

Lava-jato: Condenado a 19 anos por corrupção, ex-senador tem pena anulada

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu ontem, por 3 votos a 1, anular a condenação do ex-senador Gim Argello no âmbito da Operação Lava Jato. A maioria dos ministros seguiu o voto vista do ministro João Otávio de Noronha. Ele entendeu que o foro competente para ter julgado o caso era a Justiça Eleitoral, e não a 13a Vara Federal de Curitiba, onde ele foi condenado. A ação foi anulada por vícios processuais e encaminhada para a Justiça Eleitoral.

Gim Argello foi condenado em outubro de 2016, pelo então juiz Sergio Moro, a 19 anos de prisão, pelos crimes de lavagem de dinheiro, corrupção passiva e obstrução de Justiça. 

Com a anulação da condenação de ontem, Argello recuperou também seus direitos políticos.

CÁ PRA NÓS: No Brasil o crime compensa?

smp.news “SOMENTE A VERDADE INTERESSA” – Compartilhe, fortaleça a mídia independente.

Canal de Ouvidoria: 85 99761.0860 zap

1 Comentário

  1. Jallbert

    Fico observando e indignado em ver como os canalhas dessa Injustiça brasileira fazem de tudo pra proteger seus pares igualmente corruptos, afinal de contas, se houve um crime com provas robustas, um maldito de “foro” tira a culpa de quem roubou? Claro que naum, mas eles os corruptos fazem de tudo pra se protegerem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.