Menu fechado

Telegram cumpre ordem de Moraes e apaga postagem de Bolsonaro que apontava violação do site do TSE

A violação ocorreu e a Polícia Federal não conseguiu avançar pois dados fundamentais foram deletados

O aplicativo de mensagens Telegram atendeu a determinação do ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Alexandre de Moraes e excluiu postagem do canal oficial do presidente Jair Bolsonaro (PL), feita em 4 de agosto de 2021. A mensagem dizia: “Segue os documentos que comprovam, segundo o próprio TSE, que o sistema eleitoral brasileiro foi invadido e, portanto, é violável”. Havia quatro links na publicação, um deles o inquérito da Polícia Federal que investigava um ataque hacker. O TSE nega que o sistema tenha sido invadido e afirma que o hacker não conseguiu alterar a contagem de votos nas eleições de 2020. Além disso, a corte argumenta que é possível auditar os dados usando o extrato produzido por cada urna em cada zona eleitoral ao fim do dia de votação.

CÁ PRA NÓS: Observem parte da reportagem da Revista Oeste de 04/08/21:

Na segunda fase das investigações, a PF solicitou ao TSE que enviasse o chamado arquivo log, responsável por conservar todo o histórico do software — quem acessou, em que data e quais modificações foram realizadas.

Então, o ministro-substituto do TSE — que teve a senha roubada — respondeu ao delegado da PF que, “devido a manutenções para solucionar travamentos no firewall do TSE, a equipe da Global IP — empresa terceirizada — fez reinstalação do serviço de gerência, não tendo o devido cuidado de não prejudicar os logs armazenados. Assim, informamos que o TSE não possui dados adicionais para repassar à Polícia Federal”.

Em resumo, o arquivo responsável por armazenar todo o histórico de alteração do software das urnas eletrônicas foi apagado. Portanto, a investigação de possíveis adulterações no sistema ficou inviabilizada.

Reportagem completa:

https://revistaoeste.com/politica/relatorio-do-tse-admite-invasao-das-urnas-eletronicas-2/

smp.news “SOMENTE A VERDADE INTERESSA” – Compartilhe, fortaleça a mídia independente.

Canal de Ouvidoria: 85 99761.0860 zap

Achou importante? seja nosso parceiro, Considere fazer uma doação, com qualquer valor, para manutenção e aprimoramento do blog e do programa SEM MEIAS MEIAS na rádio cidade 860 am seg-sex 11hs às 12hs. Independência é a arma de uma imprensa fiscalizadora, seu apoio é fundamental (PIX PARA DOAÇÃO: 85 99926.59.58)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.