Menu fechado

Cresce expectativa da presença da Polícia Federal na Câmara dos Deputados

A expectativa cresce no sentido da presença da Polícia Federal (PF) na Câmara Federal para solicitar autorização do presidente Arthur Lira objetivando cumprir em suas dependências determinação do ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal (STF), que impõe a colocação de tornozeleira eletrônica no deputado Daniel Silveira que encontra-se refugiado em seu gabinete.

O parlamentar e seu advogado Paulo Faria argumentam que desde o nascedouro as investigações pecam pelo vício mortal da inconstitucionalidade e que existe perseguição.

Arthur Lira divulgou Nota:

Decisões judiciais devem ser cumpridas assim como a inviolabilidade da Casa do Povo deve ser preservada. Sagrada durante as sessões, ela tem também dimensão simbólica na ordem democrática.
Ideal que o STF analisasse logo os pedidos do deputado Daniel Silveira e que a Justiça siga a partir desta decisão – mais ampla da nossa Corte Superior.
Condeno o uso midiático das dependências da Câmara, mas sou guardião da sua inviolabilidade. Não vamos cair na armadilha de tensionar o debate para dar palanque aos que buscam holofote.
Seria desejável que o Plenário do STF examinasse esses pedidos o mais rápido possível, e que a Justiça siga a partir dessa decisão final da nossa Corte Suprema”.

Confira o video do deputado, em entrevista ao jornalista Zé Maria Trindade, na Jovem Pan News:

smp.news “SOMENTE A VERDADE INTERESSA” – SOMENTE A VERDADE INTERESSA” – Compartilhe, fortaleça a mídia independente.

Canal de Ouvidoria: 85 99761.0860 zap

Achou importante? seja nosso parceiro, Considere fazer uma doação, com qualquer valor, para manutenção e aprimoramento do blog e do programa SEM MEIAS MEIAS na rádio cidade 860 am seg-sex 11hs às 12hs. Independência é a arma de uma imprensa fiscalizadora, seu apoio é fundamental (PIX PARA DOAÇÃO: 85 99926.59.58)

2 Comentários

  1. Anônimo

    O grande perigo, é que muitos deputados estão nas mãos do stf, por questões diversas, inclusive o seu presidente. Portanto, a câmara tem que mostrar sua superioridade em defesa de seus deputados e, se impor aos desejos pessoais de um ministro do stf.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.