Menu fechado

Após aumento de casos gripais, MPCE requisita que Sesa e Secretaria da Saúde de Fortaleza apresentem plano de contingência que garanta atendimento adequado à população infantil

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio da 137ª Promotoria de Justiça de Fortaleza, requisitou, nesta sexta-feira (22/04), que as Secretarias da Saúde do Estado (Sesa) e de Fortaleza (SMS) apresentem, em até cinco dias úteis, plano de contingência que garanta atendimento adequado à população infantil após o aumento de casos gripais e infecções respiratórias em todo o Estado. Conforme o MPCE, por conta desse aumento – especialmente registrado durante a quadra chuvosa (fevereiro a maio) –, ocorre uma superlotação das enfermarias e UTIs pediátricas de hospitais municipais e estaduais.

Saiba mais: https://bit.ly/3rGwH9t

smp.news “SOMENTE A VERDADE INTERESSA” – Compartilhe, fortaleça a mídia independente.

Canal de Ouvidoria: 85 99761.0860 zap

Achou importante? seja nosso parceiro, Considere fazer uma doação, com qualquer valor, para manutenção e aprimoramento do blog e do programa SEM MEIAS MEIAS na rádio cidade 860 am seg-sex 11hs às 12hs. Independência é a arma de uma imprensa fiscalizadora, seu apoio é fundamental (PIX PARA DOAÇÃO: 85 99926.59.58)

o espaço disponibilizado é para o debate saudável. Comentário é de inteira responsabilidade do autor

4 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.