Os mandatos da prefeita de Nova Russas, Giordanna Mano (PL), e do vice, Anderson Pedrosa (PMN), foram cassados por decisão da maioria do pleno do Tribunal Regionais Eleitoral (CE) 4 x 3, por abuso de poder político nas eleições municipais de 2020.

O decisório alcançou também o deputado federal Júnior Mano (PL), esposo de Giordanna, e o ex-prefeito da cidade, Rafael Holanda, e devem ficar inelegíveis por oito anos a contar da data do pleito – a prefeita também perde os direitos políticos, mas o vice não fica inelegível. 

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é o caminho para recursos.

Com informações DN

smp.news “SOMENTE A VERDADE INTERESSA” – Compartilhe, fortaleça a mídia

Canal de Ouvidoria: 85 99761.0860 zap

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here