Menu fechado

Cercado, Doria joga a toalha

O ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB-SP) desistiu nesta segunda-feira (23) de ser candidato a presidente da República. Em crise dentro do ninho tucano, Doria afirmou que seu nome não era “consenso” cúpula do partido. Com isso, ele abriu caminho para que o PSDB apoie a candidatura a presidente de Simone Tebet (MDB), que era a preferida dos dirigentes tucanos.

“Entendo que não sou a escolha da cúpula do PSDB. Sou um homem que respeito o consenso, mesmo que ele seja contrário à minha vontade pessoal. Me retiro da disputa com o coração ferido, mas com a alma leve”, afirmou Doria.

O ex-governador de reuniu nesta manhã com o presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, para debater a crise em torno da sua pré-candidatura. Apesar de ter vencido as prévias do partido, Doria enfrentava resistências internas.

Leia mais:

https://www.gazetadopovo.com.br/eleicoes/2022/doria-desiste-de-ser-candidato-a-presidente-e-abre-caminho-para-psdb-apoiar-simone-tebet/

smp.news ” SOMENTE A VERDADE INTERESSA ” – Compartilhe, fortaleça a mídia independente

Canal de Ouvidoria: 85 99761.0860 zap

2 Comentários

  1. Maria Vanilde Machado

    Tem é que desistir mesmo porque impossível esse troço se eleger. É mais fácil ele se candidatar a se cantor de rock com uma calcinha bem apertada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.