Menu fechado

Tebet diz que caso eleita acaba com “orçamento secreto”

A senadora e candidata à Presidência da República Simone Tebet (MDB-MS) afirmou, durante entrevista ao Congresso em Foco, que caso seja eleita, exigirá dos ministérios por meio de decreto a transparência das transferências de recursos oriundas de emendas parlamentares. Se aplicada, a medida representa o fim da ocultação das emendas de relator, característica que deu a elas a alcunha de “orçamento secreto”.

De acordo com Simone Tebet, não seria difícil extinguir o orçamento secreto. “Com uma canetada, eu baixo um decreto exigindo uma instrução normativa ou uma portaria exigindo transparência absoluta dentro dos ministérios. Nós vamos mostrar para a população brasileira quanto cada parlamentar destinou aos seus municípios, de onde veio a fonte e para onde foi o dinheiro”, declarou.

CÁ PRA NÓS: Tebet foi escolhida oficialmente candidata nesta quarta-feira, 27, em convenção do MDB, e terá apoio do Cidadania e do PSDB. Não foi anunciado o vice, ou mais provavelmente a vice.

smp.news “SOMENTE A VERDADE INTERESSA ” – Compartilhe, fortaleça a mídia independente

o espaço disponibilizado é para o debate saudável. Comentário é de inteira responsabilidade do autor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.